Seu dinheiro está rendendo pouco?

Categoria: Investir

Seu dinheiro está rendendo pouco?


Os investimentos mais tradicionais, como renda fixa e investimentos relacionados à taxa Selic começam a denotar queda de rentabilidade. O que fazer?

Boas notícias: o cenário macroeconômico brasileiro dá fortes indícios de recuperação. Se você acompanha as últimas notícias do mercado brasileiro, seja em âmbito nacional, seja internacional, você já viu que as coisas estão esquentando novamente e se situando - pela segunda tentativa - dentre as economias mais fortes do mundo.

Claro, o caminho é longo, mas os últimos índices da B3, Bolsa de Valores Brasileira, além das notícias de queda dos juros - inclusive pela Caixa Econômica Federal - e queda nas taxas de desemprego mantém a esperança acesa para inúmeros investidores.

No entanto, esse aquecimento generalizado faz com que a procura por ações, por exemplo, cresça, fazendo com que suas cotas  - resultado do montante total do seu valor, dividida pelo números de acionistas - caiam e isso significa menos dividendos para os acionistas e, consequentemente, uma, momentaneamente, carteira menos rentável. 

Esse é um movimento sabidamente comum no mercado, pela lei da oferta e procura. Outros formatos de investimento também passam pela mesma situação. Outro fator que influencia todo esse cenário é a estabilização cambial entre dólar e real, que desde maio, por exemplo, tem atingido índices mais baixos, voltando para os R$ 3,72 em julho.

É por este motivo que escrevemos esse blog post. Investir em imóveis nos EUA, mais precisamente na Flórida - também conhecido como The Sunshine State - é um excelente investimento para quem procura rentabilidades mais altas a curto, médio e longo prazo.

Como já dissemos, de forma mais aprofundada, neste outro artigo, o mercado imobiliário da Flórida está extremamente aquecido, investidores entusiasmados e com altos investimentos em infraestrutura, tecnologia e atrações turísticas. Por esses motivos, o mercado imobiliário da Flórida, principalmente das cidades Miami e Orlando, seguem também aquecidos. Veja alguns dados:

  1. Em 2019, o estado norte-americano ultrapassou a marca de movimentação de 1 trilhão de dólares, com movimentação média por dia de 2,75 bilhões de dólares;

  2. Maior procura por imóveis, tanto para compra quanto para investimento;

  3. Menor taxa de desemprego registrada em 12 anos, o que comprova o aumenta da renda per capita do cidadão residente no estado;

  4. Em Orlando, à título de exemplo, considerada a melhor cidade para investir, a valorização dos imóveis em uma janela de tempo de 5 anos, registrou um aumento de 62%. De acordo com a Forbes, até 2021, é esperado que esse número suba para 35% em relação ao ano de 2018;

  5. A proteção do capital investido em imóveis tem se provado maior do que em outros tipos de investimento

Como forma de investimento, é possível adquirir um imóvel na Flórida com algumas finalidades:

  1. Vacation Homes: mesmo com custos recorrentes para manutenção dos imóveis, a alta procura e o ticket médio de locação - que se pulverizou com aplicativos como AirBnB e TripAdvisor - o investimento em casas de veraneio é uma das opções mais rentáveis;

  2. Aluguel: no caráter de aluguel recorrente e fixo, Miami e Flórida tem se mostrado mercados seguros e, acima de tudo, rentáveis;

  3. Comprar para investir: imagine que você gostaria de adquirir um imóvel, investir nele - com reformas e upgrades. Ainda assim, é uma opção rentável, a depender do montante inicial de investimento.

Para analisar o comportamento futuro do mercado imobiliário da Flórida, o melhor caminho é analisar seu comportamento nos últimos anos e, pensando nisso, a Selecta Realty separou mais alguns dados importantes para você, investidos:

  • Em 10 anos, os investimentos brasileiros nos EUA registraram o montante de 2,1 bilhões de dólares, com grande foco na cidade de Orlando;

  • Em 2018, foi registrada a valorização de 9% em um imóvel do mercado imobiliário de Orlando. Se você tivesse adquirido um imóvel que vale 250 mil dólares, ele teria sido valorizado em 23 mil dólares somente no primeiro ano de investimento.

Outro grande atrativo para investidores brasileiros são as formas de financiamento do imóvel que é totalmente acessível: de praxe, no mercado imobiliário da Flórida, é possível financiar de 30% a 40% do valor total do imóvel, com parcelas com juros pré-fixados que variam entre 3,5% a 5,5% ao ano.

Para quem pensa em investir em um imóvel no mercado imobiliário da Flórida para aluguel de temporada, as famosas Vacation Homes, um dado em particular é interessante ressaltar. Ano após ano os indíces de movimentação de turistas e capital estrangeiro aumenta. De janeiro a setembro de 2018, por exemplo, 95,8 milhões de turistas - em viagens ou negócios - estiveram no Sunshine State. Isso só comprova a alta procura pelo aluguel de imóveis em temporada. 

Quer saber como você pode investir em um opção comprovadamente mais rentável que outras modalidades? Converse com nosso time de especialistas no mercado imobiliário da Flórida e descubra o investimento mais lucrativa que cabe no seu bolso. E claro, acompanhe o Blog da Selecta Realty para ficar sempre atualizado com as últimas notícias e tendências do mercado imobiliário do Sunshine State.